Document details

Análise do comportamento ofensivo em equipas de alto nível : comparação entre o FC Barcelona e o Manchester United na Uefa Champions League (2010-11)

Author(s): Ramos, Abílio da Torre

Date: 2011

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.6/3203

Origin: uBibliorum

Subject(s): UEFA Champions League - Futebol; Futebol - Comportamento ofensivo; Futebol - Modelo de jogo; Futebol - Aspectos competitivos; Futebol - Equipas de sucesso; Futebol - Jogo ofensivo


Description

Este estudo pretendeu estudar a eficácia ofensiva das equipas do Manchester United FC (MUFC) e do FC Barcelona (FCB), e assim perceber melhor o Modelo de Jogo (uma parte de um todo) destas equipas com sucesso regular nas últimas edições da Uefa Champions League (UCL). Para tal, recorreu-se à observação e análise de jogos das equipas na UCL (edição 2010- 11), utilizando uma metodologia de observação utilizada por Garganta (1997) no seu estudo em equipas de rendimento superior em Futebol, através da análise de sequências ofensivas (SO). Para o efeito, seleccionou-se algumas das variáveis consideradas pertinentes para a concretização dos objectivos propostos. Este estudo verificou diferenças estatisticamente significativas em quase todas as variáveis para as sequências ofensivas positivas com finalização (SOPF): número de contactos na bola (NC) com p = 0,000, número de passes (NP) com p = 0,033, tipo de passe (TP) na categoria passe curto-médio (PCM) com p = 0,015) e na categoria passe longo (PL) com p = 0,000), número de jogadores (NJ) com p = 0,025, excepto para o tempo de realização do ataque (TRA) com p = 0,334) e o número de variações de corredor (NVC) com p = 0,055. Para as sequências ofensivas positivas com golo (SOP-ET), apenas se verificaram diferenças estatisticamente significativas para a categoria passe longo (PL) com um p = 0,002. Os resultados encontrados para este estudo sugerem que as equipas são extremamente eficazes, o que em certa parte explica as sucessivas campanhas com bons resultados ao nível da UCL e também nas ligas domésticas. Conclui-se que apesar de apresentarem organizações ofensivas distintas, as equipas estudadas executam as suas acções ofensivas de acordo com um Modelo de Jogo que tentam interpretar de uma forma fidedigna como uma intenção de jogo.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Maçãs, Victor
Contributor(s) Ramos, Abílio da Torre
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents