Document details

O pretérito perfeito e imperfeito: as diferenças aspectuais na aquisição de L2

Author(s): Fradique, Maria de Fátima Silva Castro

Date: 2008

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.6/3411

Origin: uBibliorum

Subject(s): Ensino-aprendizagem - Línguas; Língua materna - Ensino-aprendizagem; Língua estrangeira - Ensino-aprendizagem; Língua portuguesa - Tempos verbais


Description

Ao longo do trabalho, pretendemos analisar as diferenças aspectuais entre os dois tempos do passado, o pretérito perfeito e o pretérito imperfeito, na aquisição de uma segunda língua. Os alunos-alvo deste estudo serão, sem dúvida, aprendentes de língua portuguesa como segunda língua, alunos cuja língua materna não é o português mas sim o chinês, o japonês, o cantonês, o belga, o francês, o alemão, o italiano, o castelhano, o brasileiro, o romeno, o ucraniano, o checo, o eslovaco e o esloveno. O trabalho dividir-se-á em três capítulos essenciais. O primeiro abordará as diferenças conceptuais entre língua materna, língua segunda e língua estrangeira; as diferenças epistemológicas entre aprendizagem e aquisição de uma língua; as estratégias a usar no processo de ensino-aprendizagem de uma língua e o papel do professor ao longo dos tempos, como dependente da mutação social e das exigências que a sociedade faz ao professor e ao aluno. O segundo capítulo dividir-se-á em duas partes: uma que trabalhará aspectos teóricos relacionados com os valores aspectuais e outra que analisará as diferenças na utilização dos diferentes tempos verbais do passado em estudo. O trabalho de campo e as conclusões obtidas serão apresentados no capítulo três. [...]

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Osório, Paulo José Tente da Rocha Santos
Contributor(s) Fradique, Maria de Fátima Silva Castro
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents