Document details

Custos adicionais de operação dos veículos devidos aos estado dos pavimentos

Author(s): Guerra, João Carlos Simão

Date: 2011

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.6/3556

Origin: uBibliorum

Subject(s): Sistema rodoviario -- Portugal; Rede rodoviária -- Custos dos utentes da estrada; Rede rodoviária -- Estado do pavimento -- Custos dos utentes; Rede rodoviária -- Degradação do pavimento -- Custos adicionais -- Avaliação


Description

Com a conjuntura económica muito fragilizada torna-se indispensável aperfeiçoar a estimação de todos os custos relacionados com o sistema rodoviário, incluindo portanto os custos dos utentes das estradas. Estes custos suportados pelos utentes são em geral de difícil quantificação e constituem uma componente muito importante dos custos do sistema rodoviário. Para quantificar os custos dos utentes foi desenvolvido em duas Universidades Portuguesas (Beira Interior e Coimbra), entre 2004 e 2008, um trabalho de doutoramento que resultou na criação de um Modelo de Custos dos Utentes das Estradas com aplicação à rede rodoviária nacional, permitindo a consideração desta componente nas análises de ciclo de vida efectuadas na rede rodoviária portuguesa. Este modelo permite a obtenção de custos médios dos utentes, sendo divididos nas parcelas dos custos de operação dos veículos, do tempo de percurso, dos acidentes e, quando aplicável, de portagem. O trabalho que aqui se apresenta pretende validar um refinamento proposto para o modelo anterior através da inclusão, nos cálculos do modelo, dos custos adicionais de operação dos veículos devidos à evolução no tempo das degradações dos pavimentos rodoviários, ou seja, devido ao estado do pavimento. São analisados e testados diversos modelos e estudos que consideram o estado dos pavimentos como um factor que pode influenciar os custos de operação dos veículos. Entre os modelos e estudos considerados na análise salientam-se a formulação proposta para o Sistema de Gestão de Pavimentos (SGP) da rede rodoviária portuguesa, o estudo desenvolvido pelo “Transportation Research Board” e pela “American Society for Testing and Materials” (TRB-ASTM), o modelo de custos dos utentes da Junta Autónoma de Estradas (JAE) e o modelo de custos dos utentes do Banco Mundial (HDM-4). O resultado da análise efectuada conduziu à verificação e validação da proposta de formulação considerada. Foi ainda realizada uma aplicação prática desta formulação a uma rede de auto-estradas concessionada, tendo-se obtido resultados que apontam para um custo adicional dos utentes de aproximadamente 3% para estados dos pavimentos que justifiquem operações de intervenção na rede. Este valor pode representar 6% de custo adicional para estados de degradação mais avançados.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Santos, Bertha Maria Batista dos
Contributor(s) Guerra, João Carlos Simão
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents