Document details

O Impacto da Discriminação e Assédio na Saúde Física e Mental das Pessoas LGB

Author(s): Jesus, Paula Andrea de Almeida

Date: 2016

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.6/5792

Origin: uBibliorum

Subject(s): Discriminação e Assédio; Pessoas Lgb; Saúde Física e Mental.; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Psicologia; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Psicologia; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Psicologia


Description

A presente dissertação surge no âmbito do Mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde da Universidade da Beira Interior. O seu objetivo passa por perceber o impacto das experiências discriminatórias na saúde física e mental das pessoas LGB. Para atingir o pretendido realizou-se uma revisão da literatura e procedeu-se à execução de um estudo empírico, no qual participaram 561 pessoas com idades compreendidas entre os 18 e os 72 anos, cujos descritores da identidade sexual são: gay, bissexual, lésbica, indeciso ou sem certeza. Os instrumentos utilizados foram uma escala de Saúde Geral, uma escala de Bem-Estar Emocional e a Escala K10 fornecidas pelo protocolo Gay and Lesbian Health Victoria (Austrália), para além dos itens sobre utilização e acesso aos serviços de saúde, discriminação e assédio e as questões sociodemográficas. Para a recolha dos dados foi criada uma página Web, disseminada através de Associações LGBT, redes sociais e mailing lists, entre setembro e dezembro de 2015. Quanto ao tratamento dos dados recolhidos, estes foram analisados através do programa estatístico SPSS – Versão 23 para Windows. Esta dissertação segue o modelo de artigo científico, pelo que primeiramente se apresenta a revisão bibliográfica e, posteriormente o estudo empírico realizado (descrição da amostra, instrumentos, procedimentos e apresentação dos resultados estatísticos). Finalmente, expõe-se uma análise crítica relativamente aos resultados obtidos, limitações do estudo e uma breve conclusão. Note-se que, devido a esta estrutura, apresenta-se um anexo teórico onde se aprofundam questões sobre o tema. Este documento foi redigido de acordo com o novo Acordo Ortográfico Português.

This report comes under the Master in Clinical and Health Psychology at the University of Beira Interior. Its primary purpose is to realize the impact of discriminatory experiences in the physical and mental health of LGB people. To achieve the desired carried out a literature review and proceeded to the execution of an empirical study, which involved 561 people with an age range between 18 and 72, whose descriptors of sexual identity are gay, bisexual, lesbian, indecisive or not sure. The instruments used were a General Health scale, Wellness Emotional scale and the K10 scale provided by the Gay and Lesbian Health Victoria Protocol (Australia), in addition to the items on use of and access to health services, discrimination and harassment and sociodemographic questions. To collect the data a Web page was created, disseminated by LGBT associations, social and mailing lists networks between September and December 2015. As the processing of collected data, the data were analyzed using the SPSS - Version 23 for Windows. This work follows the scientific paper model, by which first presents the literature review and subsequently the empirical study (description of the sample, instruments, procedures and presentation of statistical results). Finally, it exposes a critical analysis on the results obtained, the study limitations and a brief conclusion. Note that due to this structure, presents a theoretical attachment where deepen questions on the subject. This document was prepared in accordance with the new Spelling Agreement Portuguese.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Pereira, Henrique Marques
Contributor(s) Jesus, Paula Andrea de Almeida
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents