Document details

Influência de compostos de origem natural em microrganismos de origem alimentar e clínica

Author(s): Oliveira, Adriana Raquel Duarte

Date: 2016

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.6/5804

Origin: uBibliorum

Subject(s): Acinetobacter Baumannii; Adaptação; Linalool; Listeria Monocytogenes; Proteção Celular; Resveratrol; Sinergismo; Staphylococcus Aureus; Domínio/Área Científica::Engenharia e Tecnologia::Engenharia Química; Domínio/Área Científica::Engenharia e Tecnologia::Engenharia Química; Domínio/Área Científica::Engenharia e Tecnologia::Engenharia Química


Description

O uso indiscriminado dos agentes antimicrobianos, nomeadamente antibióticos e biocidas, levou ao desenvolvimento de resistências em bactérias de origem alimentar e hospitalar. Estas resistências representam uma ameaça à saúde pública, pois reduzem a eficácia dos mesmos compostos, aumentando desta forma a mortalidade e a morbidade. Assim, torna-se fundamental o estudo de novos compostos antimicrobianos no controlo do crescimento e disseminação dos mesmos agentes patogénicos. Os compostos de origem natural têm sido apresentados como alternativas promissoras aos agentes antimicrobianos atualmente utilizados, não só como possíveis conservantes alimentares, mas também como adjuvantes do processo de desinfeção de superfícies. Em alguns casos, a exposição das bactérias a concentrações subinibitórias dos compostos naturais pode levar a adaptação aos mesmos e ao desenvolvimento de resistências homólogas e/ou cruzadas a outros agentes. Neste trabalho, foi avaliada a influência de concentrações subinibitórias de resveratrol sobre bactérias problemáticas, Listeria monocytogenes e Staphylococcus aureus relativamente ao desenvolvimento de resistência homóloga e cruzada a antibióticos, habitualmente utilizados no tratamento de infeções causadas por estas bactérias, e a um desinfetante frequentemente utilizado no sector alimentar. Foi ainda avaliado, se as mesmas concentrações de resveratrol poderiam levar a uma proteção celular contra condições adversas, nomeadamente stress ácido e térmico. Os resultados sugeriram, de um modo geral, que o resveratrol não levou ao desenvolvimento de resistência homóloga nem cruzada, evidenciado, no entanto, um aumento da tolerância ao stress térmico e ácido em L. monocytogenes, mas para S. aureus este comportamento não foi muito evidente. Estes resultados apoiam a possibilidade da utilização do resveratrol como conservante alimentar. Por outro lado, a desinfeção representa um processo fundamental no controlo e disseminação dos microrganismos, sendo também relevante encontrar novas alternativas para colmatar a falta de antimicrobianos eficazes na eliminação de bactérias problemáticas na prática clínica. Assim, no presente trabalho foi também avaliado o potencial sinérgico do linalool, composto maioritário do óleo essencial de coentros, em combinação com desinfetantes habitualmente utilizados em ambiente hospitalar, sobre Acinetobacter baumannii e S. aureus. Em A. baumannii, foi observado que o linalool em combinação com o cloreto de benzalcónio ou a clorohexidina digluconato tem um efeito sinérgico, e em combinação com o ácido peracético ou o hipoclorito de sódio tem um efeito aditivo. No caso do S. aureus evidenciou-se um efeito aditivo para todas as interações. Assim, o linalool apresenta potencial em futuras combinações com desinfetantes.

The indiscriminate use of antimicrobials, namely antibiotics and biocides, has led to the development of resistance in foodborne and hospital pathogens. This resistance represents a serious threat to public health, because it reduces the overall effectiveness of antimicrobials, thereby increasing mortality and morbidity. Thus, it becomes extremely relevant to study new antimicrobial compounds that can control the growth and spread of these pathogens. Natural products have been considered as promising alternatives to the antimicrobial agents currently used, not only as possible food preservatives but also as adjuvants for the disinfection process of surfaces. In some cases, exposure of the bacteria to subinhibitory concentrations of natural compounds can lead to adaptations to the same products and to the development of homologous and/or cross-resistance to other agents. In this study, the influence of subinhibitory concentrations of resveratrol on Listeria monocytogenes and Staphylococcus aureus was studied, by evaluating the development of homologous resistance or cross-resistance to the antibiotics commonly used to treat infections caused by these bacteria as well as to one disinfectant often used in the food sector. The development of cellular protection against adverse conditions, including acid and heat stress, by the influence of the same resveratrol concentrations was also evaluated. In general, the results suggest that resveratrol did not lead to homologous or cross-resistance development, nonetheless evidencing an increased tolerance to acid and heat stress in L. monocytogenes, although this behaviour was not very evident for S. aureus. These results, thus, support the possibility of using resveratrol as a food preservative. Similarly, disinfection represents a fundamental process in the control and spread of microorganisms, being extremely important to find new alternatives to overcome the lack of effective antimicrobial agents that can control or eliminate problematic bacteria in clinical practice. Thus, in the present study, the synergistic potential of linalool, the major compound of essential oil of coriander, in combination with disinfectants commonly used in hospitals was evaluated against Acinetobacter baumannii and S. aureus. In A. baumannii, it was observed that linalool in combination with benzalkonium chloride or chlorhexidine digluconate had a synergistic effect, and in combination with peracetic acid or sodium hypochlorite presented an additive effect. In the case of S. aureus an additive effect was demonstrated for all interactions. For these reasons, the linalool presents potential for future combinations with disinfectants.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Domingues, Fernanda da Conceição; Ferreira, Susana
Contributor(s) Oliveira, Adriana Raquel Duarte
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents