Document details

Influence of overweight on routine parameters of renal function in dogs

Author(s): Dores, Ana Cristina Heitor Machado

Date: 2018

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.5/15747

Origin: Repositório da UTL

Subject(s): Obesity; overweight; canine; renal insufficiency; obesity-related glomerulopathy; proteinuria; obesidade; excesso de peso; canideo; insuficiência renal; obesidade relacionada com glumerolopatia; proteinúria


Description

Obesity is one of the most common nutritional disorders in dogs and its prevalence has grown exponentially in recent years alongside with obesity in humans. It is from an accumulation of adipose tissue in such a way that it affects the patient health. In humans, a chronic increase of body weight is a risk factor to develop renal dysfunction. Therefore, the purpose of this study was to investigate the effect of weight gain on renal function in dogs. Renal function was determined using traditional markers of renal dysfunction (blood urea nitrogen and creatinine, urine specific gravity and urine protein-creatinine ratio). A total of 16 beagles were studied, 8 non-obese, which kept a stable ideal body weight, and the remaining 8, gradually increased weight for 24 weeks. Both groups were fed a commercial adult maintenance diet high in fat and protein. The obese group was fed 1.3 times more than the maintenance energy requirements, resulting in an average of 0.328 kg increase in weight per month. Renal markers were measured at times 1, 12 and 24 weeks and the results did not showed a significant difference between the groups. These results suggest that the degree of overweight that was achieved in this study did not cause renal dysfunction based on routine kidney markers.

RESUMO - A INFLUÊNCIA DO EXCESSO DE PESO EM PARÂMETROS DE AVALIAÇÃO DA FUNÇÃO RENAL DE ROTINA - A obesidade, uma das doenças nutricionais mais comuns em cães tendo a sua prevalência crescido exponencialmente nos últimos anos, a par com a obesidade nos humanos. É uma doença crónica que advém do excesso de acumulação de tecido adiposo de tal forma que afeta a saúde. No homem, uma condição corporal aumentada é um fator de risco para disfunção renal. O objetivo deste estudo foi investigar o efeito do aumento de peso sobre a função renal em cães. A função renal foi determinada através de marcadores renais convencionais de insuficiência renal (ureia e creatinina sérica, densidade urinária, rácio proteína-creatinina de urina). Um total de 16 beagles foram usados, 8 não obesos que mantiveram um peso corporal estável, e os 8 restantes, que aumentaram progressivamente o peso durante 24 semanas. Ambos os grupos foram alimentados com uma dieta comercial de manutenção, rica em gordura e proteína. Ao grupo obeso foi fornecido 1,3 vezes mais que os requisitos energéticos de manutenção, fazendo com que este grupo aumenta-se 0,328kg mais por mês. Os marcadores renais foram medidos às 1, 12 e 24 semanas em ambos os grupos, não tendo demonstrado diferenças significativas, sugerindo que o grau de excesso de peso obtido neste estudo não causa alterações na função renal.

Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária

Document Type Master thesis
Language English
Advisor(s) Hesta, Myriam; Lourenço, Ana Mafalda Gonçalves Xavier Félix
Contributor(s) Dores, Ana Cristina Heitor Machado
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents