Document details

Rendimentos dos trabalhadores : impactos escondidos do despedimento

Author(s): Wemans, Lara Cabral Cordovil

Date: 2010

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.5/1945

Origin: Repositório da UTL

Subject(s): economia do trabalho; mercado de trabalho; despedimento colectivo; rendimentos salariais; produtividade; propensity score matching; labour economics; labour market; collective dismissals; wages; productivity; propensity score matching


Description

Neste estudo apresentam-se as principais características do despedimento colectivo em Portugal. O fecho de empresas ou a redução significativa da mão-de-obra que ocorrem aquando de um despedimento colectivo são fenómenos com especial interesse para a estimação dos efeitos de desemprego. Beneficiando da qualidade dos dados relativos à caracterização de empresas e trabalhadores e da possibilidade de cruzamento destes dados com a ocorrência de despedimentos colectivos, são estimados, através do método de propensity score matching, os impactos do despedimento colectivo nas empresas e nos trabalhadores. No caso das empresas é estudado o efeito dos despedimentos colectivos ocorridos quer em 2003 quer em 2004 na evolução da produtividade entre 2000 e 2006. No caso dos trabalhadores, estima-se a influência dos despedimentos colectivos ocorridos em 2003 na evolução das remunerações entre 2002 e 2006 dos trabalhadores que terminaram a sua relação laboral com a empresa no período do despedimento colectivo.

This study presents the main characteristics of collective dismissals in Portugal. Both the shutdown of firms and significant labour force reductions, which take place in the event of collective dismissal, are of special interest to estimate dismissal effects. This study estimates the effects from collective dismissals on companies and workers using propensity score matching techniques which benefits, on the one hand, from the quality of the data and, on the other hand, from the ability to identify companies which filled for collective dismissals. The effect on companies takes into account the variation in labour productivity between 2000 and 2006 in companies which had collective dismissals in 2003 or 2004. The effect on workers is based on the evolution of wages between 2002 and 2006 from workers who were displaced from firms that had collective dismissals in 2003.

Mestrado em Economia e Políticas Públicas

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Centeno, Mário
Contributor(s) Wemans, Lara Cabral Cordovil
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents