Document details

Análise da viabilidade de implementação e desenvolvimento de Microsseguros de Saúde em Angola (município da Matala)

Author(s): Vicente, Kátia Nadina de Sousa

Date: 2011

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.5/3370

Origin: Repositório da UTL

Subject(s): microsseguro; procura de microsseguros; projecto de microsseguro de saúde; classe de baixo rendimento; inclusão social; micro-insurance; demand for micro-insurance; micro-insurance health project; low income segment; social inclusion


Description

O microsseguro constitui uma forma de seguro direccionada essencialmente para o segmento da população de baixos rendimentos que é, consequentemente, ignorado pelas seguradoras comerciais e excluído dos projectos de segurança social. Actualmente, tem vindo a verificar-se, a nível internacional, a implementação e desenvolvimento de projectos de microsseguro nas mais variadas áreas, como forma de minimizar a vulnerabilidade face às adversidades futuras por parte da população mais carenciada. Após efectuar um enquadramento teórico sobre o que caracteriza o microsseguro, quais os mecanismos para a sua implementação e desenvolvimento, bem como as suas principais limitações, o trabalho realizado teve como objectivo analisar a viabilidade e potencialidade de desenvolver um projecto de microsseguros na área da saúde em Angola, mais concretamente, no município da Matala. Através de uma análise descritiva mostrou-se qual é a realidade de saúde do município, nomeadamente as suas limitações, e como estas afectam o quotidiano da população. A aplicação de questionários permitiu traçar o perfil da população, compreender quais as necessidades que desejariam ver cobertas e medir a sua vontade para adquirir microsseguros para cobertura dos riscos que mais os afectam. Para finalizar, propõem-se algumas medidas para implementar e desenvolver o projecto, tendo em conta a realidade do município e os resultados do estudo.

Micro-insurance is a form of insurance primarily targeted for the lower income segment customers who are generally ignored by commercial insurers and excluded by the social security projects. Nowadays, the implementation and development of micro-insurance projects in diverse areas are being used as a way to minimize vulnerability and future adversities by the poorest people in various countries in the world, as well as a manner to increase the social inclusion. After presenting a theoretical framework on micro-insurance and the mechanisms for its implementation, development and expansion, as well as its limitations, this study aims to describe and understand the reality of micro-insurance and the system health in Angola, namely in the municipality of Matala, in order to analyze the feasibility and potential of developing a health micro-insurance project for this region. The municipality’s health system was analysed, including its limitations and how this affect the daily lives of the population. The questionnaires results allowed knowing the profile of the population, in order to understand their needs and what they would like to see covered and measures the willingness to buy micro-insurance coverage. Finally, in order to implement and develop the project, some measures are proposed, taking in account the reality of the municipality and the study results.

Mestrado em Finanças

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Barroso, Maria de Nazaré
Contributor(s) Vicente, Kátia Nadina de Sousa
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents