Document details

Conflito trabalho-família e intenções de turnover na profissão de cientista em Portugal : o caso do ITQB

Author(s): Brandão, Diana Pereira

Date: 2013

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.5/6184

Origin: Repositório da UTL

Subject(s): Conflito Trabalho-Família; Turnover; Cientista/Investigador; ITQB; estudo de caso; Work-Family Conflict; Scientist/Researcher; Case Study


Description

A conciliação entre família e trabalho, dada a centralidade que ocupam na vida dos indivíduos, é essencial para uma vida satisfatória. Contudo, nas actuais condições do mercado de trabalho, é cada vez mais difícil manter ambos os domínios em equilíbrio. A presente dissertação incide precisamente sobre o conflito trabalho-família-trabalho, enquanto variável bidireccional e com influências mútuas, e suas influências no turnover numa profissão pouco estudada em Portugal: os cientistas/investigadores. O Instituto de Tecnologia Química e Biológica (ITQB), em Oeiras, foi o locus empírico escolhido para realizar a investigação. Através da aplicação de inquéritos aos cientistas/investigadores do Instituto, pode-se concluir que o conflito trabalho-família não é sentido com grande intensidade nesta carreira e que as suas repercussões são mínimas nas intenções de turnover. Constata-se, no entanto, que os cientistas/investigadores do ITQB encontram-se mais inclinados a possuir intenções de turnover e abandonar a instituição onde se encontram, do que a enveredarem para outro tipo de funções não relacionadas com a ciência. É ainda de salientar que, apesar de a literatura identificar que as mulheres são mais propensas a serem afectadas pelo conflito trabalho-família do que os homens, no Instituto o mesmo não se observou. Por fim, constatou-se que são principalmente os cientistas/investigadores que se encontram há mais de 3 anos do laboratório os mais atingidos pelo conflito.

The conciliation between family and work, given the centrality that occupies the individuals’ lives, is essential for a fulfilling life. However, under the current conditions of the labour market, it is increasingly difficult to maintain balance in both domains. This dissertation focuses specifically on the work-family-work conflict, as a bidirectional variable and with mutual influences, and their influences on turnover in a poorly studied job in Portugal: scientists/researchers. The Institute of Chemical and Biological Technology (ITQB) in Oeiras, was the empirical locus chosen to carry out the investigation. Through the application of surveys to the scientists/researchers of the Institute, we can conclude that the work-family conflict is not felt with great intensity in this career and the repercussions are minimal in the turnover intentions. It appears, however, that the ITQB scientists/researchers are more likely to have turnover intentions and leave the institution where they are than to embark for other functions not related to science. From the results it is also important to note that literature identifies women as more affected by work-family conflict than men but that conclusion was not observed in the institute. Finally, was concluded that the most affected by the conflict are scientists/researchers with more than 3 years of laboratory.

Mestrado em Gestão de Recursos Humanos

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Jerónimo, Helena
Contributor(s) Brandão, Diana Pereira
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents