Detalhes do Documento

Fármacos antitrombóticos : os métodos usados nos testes clínicos : estado da arte em 2017

Autor(es): Galindo Caraballo, Samuel

Data: 2018

Identificador Persistente: http://hdl.handle.net/10400.26/22246

Origem: Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior, CRL

Assunto(s): Antitrombóticos; Modelos de análises; Métodos clínicos; Modelos


Descrição

A trombose é uma das principais causas de morbidade e mortalidade na Europa. O sucesso ao combate das doenças trombóticas necessita de contínuos avanços na investigação dos fármacos antitrombóticos e dos modelos que avaliam a sua eficácia. A terapêutica com antitrombóticos tem como principal objetivo reduzir a ocorrência de trombos, sem aumentar o risco hemorrágico. Nesta monografia efetuou-se uma revisão da literatura no período 2012-2017, pelos motores de busca Google Scholar e PubMed. Utilizaram-se como principais critérios iniciais de inclusão as publicações com os métodos mais recentes, no entanto, os estudos anteriores ao período desta revisão revelaram-se indispensáveis para a devida compreensão dos modelos atuais. Neste sentido, construiu-se um esquema cronológico da evolução dos modelos de análise da formação trombótica envolvendo nove artigos de referência, de modo a visualizar a inovação na metodologia de estudo dos trombos em modelos in vivo, ex vivo e in vitro. Em adição, descreveram-se resumidamente os principais passos dos respetivos procedimentos experimentais. Neste estudo verificou-se que há uma prevalência dos modelos de in vivo com animais vertebrados, nos ensaios pré-clínicos, tendo-se historicamente iniciado com os de grande porte, como cães, porcos e coelhos, e, posteriormente, os murinos tornaram-se o modelo mais frequente, uma vez garantida a semelhança com os humanos, a viabilidade económica e a facilidade de manuseamento. Para os fármacos antiplaquetários e anticoagulantes aprovados no período de 1997 a 2014 foram apresentados os modelos trombóticos utilizados no seu desenvolvimento. Para ilustrar os métodos mais recentes de análise de fármacos antitrombóticos, foram comentados cinco procedimentos de eficácia utilizados no período 2012-2017. Como critério de inclusão selecionou-se uma substância de origem natural, uma de origem sintética e três novas aplicações de compostos já conhecidos.

Dissertação para obtenção do grau de Mestre no Instituto Universitário Saúde Egas Moniz

Tipo de Documento Dissertação de mestrado
Idioma Português
Orientador(es) Morais, Zilda
Contribuidor(es) Galindo Caraballo, Samuel
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Documentos Relacionados

Não existem documentos relacionados.