Detalhes do Documento

Vivências em lares de idosos: diversidade de percursos.

Autor(es): Fernandes, Sandra Lizete da Costa

Data: 2010

Identificador Persistente: http://hdl.handle.net/11328/219

Origem: Repositório da Universidade Portucalense

Assunto(s): Gerontologia social; Envelhecimento; Idosos; Cuidados; Integração; TME


Descrição

Vários factores contribuem para o aumento significativo da oferta e procura de lares de idosos: o aumento da população idosa, a esperança média de vida, as transformações a nível familiar, entre outros. Estes aspectos revelam ainda no que toca à integração do idoso no lar. - A sociedade, em geral, continua encarando os lares de idosos de uma forma pejorativa. No entanto, os lares têm vindo a adequar e a melhorar os serviços conforme as necessidades da população idosa, contribuindo para um envelhecimento bem sucedido. - A temática estudada foi a pluralidade de vivências dos geronte em lares de idosos, tendo como objectivo compreender se as vivências nos lares aceleram ou não o processo de envelhecimento. - Para investigar esta realidade, realizámos dezoito entrevistas a idosos integrados em lares e aplicámos uma escala de opiniões a cento e dois cuidadores formais que desempenham funções nos mesmos locais. - Idosos e familiares recorrem aos lares como última alternativa quando vêem esgotadas outras soluções. Vários são os motivos que levam os idosos à procura da resposta lar de idosos: a saúde, a dependência funcional, a indisponibilidade familiar, a solidão e, para grande parte dos idosos, a satisfação das suas necessidade básicas. Todavia, os idosos manifestam que o ingresso no lar é um momento complicado de aceitar. Assim, o desenraizamento, as saudades da casa, dos amigos e dos vizinhos levam muitos idosos a uma maior deterioração fiisica e mental. Estes sentimentos são, frequentemente, agravados pelos cuidadores formais com a falta de sensibilidade, de acolhimento e de adquação dos serviços às necessidades dos idosos. Apesar de tudo, os idosos encaram a integração positiva em vários aspectos da sua vida, mostrando vontade em continuar a residir nos lares. Several factors contribute to a significant increase in the supply and the demand for homes for elderly: the elderly population’s increase, the average life expectancy, the family changes, among others. Theses aspects are important for the integration in the homes for elderly. At present, the society still attaches a negative role to the elderly homes. However, the elderly homes have come to adapt their services according the elderly population’s needs. This can contribute to a successful aging. The topic studied was the plurality of experiences of elderly people in nursing homes, having as objective to understand if the experiences in elderly homes accelerate or not the aging process. To investigate this reality, we conducted eighteen interviews of integrated elderly people in elderly homes. We applied a range of opinions to on hundred and two formal caretakers that work in the same locals. The elderly people and their families appeal these homes when there are no more solutions, there are several reasons for older people to explain why they choose elderly homes as an answer: the health, the functional dependency, the familiar unavailability, the loneliness and, for the most people, the basic needs satisfaction. However, the elderly says that the home’s entry is a difficult time to accept. Thus, the uprooting, the misses for the home, the friends, and the neighbours give to these persons a greater deterioration (physical and mental). These feelings are often exacerbated by formal caretakers with the lack of sensitivity, acceptance, and appropriate services. After all, the old people faces the integration into an elderly home as a positive situation in many ways of their lives. They show a wish to continue in living in these elderly homes.

Tipo de Documento Dissertação de mestrado
Idioma Português
Contribuidor(es) Fernandes, Sandra Lizete da Costa
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Documentos Relacionados

Não existem documentos relacionados.